PARLENDAS NA EDUCAÇÃO!!!

 Tanto as crianças como os adolescentes estão expostas a  mídia,

principalmente da televisão, as crianças vivem uma infância

cada vez mais curta.
    

    Em nossa sociedade o conhecimento está voltado para  o

grande desafio dos professores conseguirem criar espaços e

tempos para que as crianças vivam plenamente sua infância,

desenvolvam sua criatividade, adquiram uma bagagem cultural

que lhes permita inserir-se criticamente na sociedade, sendo

capazes de transformá-la.
      

 O resgate da tradição cultural e do folclore infantil presente

nas cantigas de roda, parlendas, adivinhas e trava-línguas que

foram constituídos ao longo dos séculos não podem ser perdido.
    

   Vale a pena trabalhar as parlendas na educação infantil, pelo

seu valor social, pelas possibilidades de amadurecimento

emocional que carregam em seus textos trabalhando a

linguagem oral e escrita, memorização, através da

alfabetização, pela expressão corporal que permitem e pelo

conhecimento do corpo, pela brincadeira e pelo movimento em

si trabalhando  todos os movimentos, brincando solto, fora da

sala de aula....
    

   Oferecer às crianças uma alternativa à cultura , ressuscitar

os jogos e as brincadeiras sem usar brinquedos eletrônicos.

Transmitir às crianças o tesouro presente em infâncias através

de décadas ou mesmo séculos, tornando-as parte do folclore

infantil.
    

   As parlendas, com seus textos rimados, sua marcação rítmica

e seu caráter lúdico, são textos privilegiados para incentivar a

correspondência entre o som e os sinais escritos, permitindo que

as crianças,  façam atividades como localizar palavras

específicas, organizar versos na ordem correta, completar

lacunas usando banco de palavras, entre outras.
Algumas atividades:

Nenhum comentário:

Postar um comentário